segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Aprendendo com Alegria

Eu te ensinei a falar
Pra você me fazer aprender
E repetir suas criações
Seu novo dialeto

Eu te ensinei o que é medo
Pra quando no escuro você me segurar
E me dizer pra não temer

(Diego V. Natividade)

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Mitos

Redes neurais
Teoremas sensacionais

Explicações quânticas
Desculpas esfarrapadas
É toda a mentira que eu queria ouvir

Vozes do além
Deuses imaginários
Fé removendo montanhas
Pessoas desamparadas

Homens criando deuses
Deuses matando crianças
Crianças ouvindo coisas
Objetos inanimados 

A ideia já veio pronta 

(Diego V. Natividade)

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Voltando atrás

Se me disser:
- Venha me buscar?!
Direi:
- Já estou aqui na porta...

(Diego V. Natividade)

domingo, 5 de maio de 2013

Há 10 mil anos atrás


A duvida é um mistério que eu revelo fácil pra você...

Cadê meus amigos?
Eu achei que viriam
Passei por isso para te-los aqui

Vamos brincar, curtir, farrear...
Fazer o que combinamos,
Ouvir o som do vento
Deixar Raul falar

Displicentemente,
Falar o que não se deve, ouvir...

Lembra do vídeo em 1999?
Ele cantava por mim
Parecia até ler minha mão

Foi o ano da minha vida
Foi lá que te conheci!
Pra que ser tão difícil assim...

E esses quatro elementos que estão em mim (terra, fogo, água, ar)
Até Ela ouvia essas canções
Saudades daquela água limpa...

(Diego V. Natividade)

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Negócio

Entre escolas de samba e denominações religiosas
Partidos políticos e times de futebol
Todos pertencem ao mesmo negócio

Subordinados pelo mesmo cafetão

Ensaiando antes a vitória, a benção ou a cura
Para não decepcionar os seus patrocinadores
Que sendo ricos ou pobres, investem seu dinheiro nestas ações
Que não passam de papéis podres
Prestes a virar pó 

(Diego V. Natividade)

domingo, 11 de novembro de 2012

James Nostalgia


Hoje ele tirou o dia para pensar
Talvez para lembrar
E até mesmo relembrar
 
Lembrar de algo que nunca aconteceu
Ou relembrar algo que ainda esta por vir
Mas que certamente acontecerá
 
Um dia quem sabe ...

O dia em que não houver mais dor
E o sofrimento será apenas
Um plugin da felicidade

(Diego V. Natividade)

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Um saco de cimento


Eles nos humilham durante 4 anos
Mas de 4 em 4 anos eles vem se humilhar

Vendendo seu produto
Podre, estragado
Sem garantia e já com defeito de fábrica

A legítima propaganda enganosa
Que pagamos com nosso direito
Vendido a preço de banana

Diego V. Natividade